Unioeste e Delegacia da Mulher firmam projeto “Fortalecendo Vidas”

Unioeste e Delegacia da Mulher firmam projeto “Fortalecendo Vidas”

A Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), por meio do CECA (Centro de Educação Comunicação e Artes), do CCBS (Centro de Ciências Biológicas e da Saúde), e a Delegacia da Mulher de Cascavel estão dando início a um projeto com formato inédito no estado do Paraná. A parceria tem como principal objetivo atender mulheres que de alguma maneira são assistidas pela Delegacia.

O Projeto “Fortalecendo Vidas” chega para oferecer uma espécie de rede de apoio às vítimas de violência doméstica, que buscam a delegacia com o intuito de denunciar agressores (sejam eles companheiros, familiares, namorados entre outras possibilidades) e as colocam em vulnerabilidade, serão ações voltadas à saúde, educação, artes e cursos profissionalizantes “A ideia é estarmos mais perto dessas mulheres, muitas vezes ao chegarem à delegacia elas não sabem como recomeçar ou ainda a quem buscar apoio em questões comuns do dia a dia. Outra situação é ouvir de que maneira podemos auxiliar por exemplo, com cursos profissionalizantes, que darão apoio par ao futuro de casa uma”, conta a coordenadora do projeto, Professora Janete Ritter.

O trabalho começará na própria delegacia, ao chegarem serão recebidas de uma maneira humanizada, já que a atual estrutura foi projetada para oferecer leveza e tranquilidade a essas mulheres. Após realizarem depoimentos e/ou boletins de ocorrências, elas serão questionadas se desejam participar, de alguma maneira, do Projeto “Fortalecendo Vidas”, com a afirmativa responderão um questionário, de grande utilidade para os direcionamentos dos trabalhos, sempre priorizando a privacidade e o segredo de justiça que envolvem cada caso.

Lançamento

Na semana passada aconteceu o lançamento oficial do projeto. O reitor da Unioeste Alexandre Webber, o vice-reitor Gilmar Ribeiro de Mello e a Professora Coordenadora do “Fortalecendo Vidas” Janete Ritter estiveram na delegacia da mulher onde foram recebidos pela Delegada Bárbara Strapasson e equipe, além de tratarem sobre os direcionamentos do projeto, já confirmaram que o primeiro passo tem data marcada para próxima quinta-feira (29). Cerca de 30 mulheres, já acompanhadas pela Delegacia da Mulher, serão recebidas no auditório do Hospital Universitário, elas participarão de uma palestra sobre câncer de Mama, receberão instruções a respeito da importância do autoexame e ao final todas serão submetidas à mamografia.

Por: Thiago Leandro


Imprimir