Atividades de Pesquisa

Projeto de Pesquisa 1 -
Coordenação: Cecília Maria Ghedini

O Projeto de Pesquisa “Problematizando as Escolas Rurais/do Campo no Brasil na materialidade das formas de tratar o conhecimento escolar, a organização da escola e o projeto de desenvolvimento socioeconômico-cultural, desenvolve-se no período de 2016 a 2019.

Compreende-se que a forma de realização da escola rural/do campo assume na dinamicidade histórica, dimensões contraditórias que podem conservar e também pautar mudanças, mesmo nos limites que lhes são impostos.

Esta pesquisa dedica-se a compreender como se deram estas mediações no passado para ter maiores possibilidades de acerto nos processos em curso na relação “escolas rurais x escolas do campo”.

Propõe-se a fazer um levantamento bibliográfico das práticas da escola rural, assim como desencadear uma investigação sobre a escola rural/do campo em três dimensões: da organização da escola, das formas de tratar o conhecimento escolar, das relações com o projeto de desenvolvimento socioeconômico-cultural assim como das concepções pedagógicas.

Realiza também um levantamento de informações sobre as escolas e os estudantes a partir de dados estatísticos já disponíveis em plataformas como IBGE e IPARDES entre outras. Nesta linha, o Projeto de Pesquisa dialoga com projetos de extensão em curso, do qual participam professores de escolas públicas do campo e alunos de graduação.

Abrigará também subprojetos com recortes específicos, os quais serão desenvolvidos pelo pesquisador diretamente envolvido e por alunos de graduação.

Almeja-se produzir referenciais escritos problematizadores, catalogação de materiais assim como novos conhecimentos sobre Educação do Campo.

Coloca-se como objetivo geral localizar, mapear e problematizar referências da escola rural/do campo em fontes como periódicos, teses e dissertações, anais de eventos e relatórios de pesquisa entre outras publicações. Analisar também práticas recentes e em curso de projetos de extensão junto a sistemas públicos de ensino visando a produção de novos conhecimentos, referenciais escritos e catalogação de materiais.

Desenvolve-se em duas perspectivas: uma que busca localizar, catalogar e problematizar referências da escola rural mapeando as dimensões da organização da escola, das formas de tratar o conhecimento escolar, das concepções pedagógicas, dados estatísticos referentes a estas escolas e seus estudantes na atualidade, assim como das relações com o projeto de desenvolvimento socioeconômico-cultural onde se insere a escola rural. Outra, referida ao que vem se fazendo na atualidade, como práticas de Educação do Campo em Escolas Públicas do Campo.

Os produtos gerados serão socializados com o objetivo de aprofundar os estudos nesta área de conhecimento, bem como dos processos em curso nos projetos de extensão, permitindo que os profissionais envolvidos ampliem seu conhecimento sobre esta modalidade educacional e sobre sua implementação nas instituições escolares.

Projeto de Pesquisa 2 - Concluído em junho de 2021
Coordenação: Carlos Antônio Bonamigo

O Projeto de Pesquisa: “Realidade das escolas públicas no/do campo no Estado do Paraná: políticas de educação, fechamento de escolas e potencial da nucleação intracampo” desenvolve-se no período de 2019-2021. Tem como objetivo geral mapear a realidade das escolas públicas localizadas no campo e analisar os dados que evidenciam riscos de fechamento, apontando possibilidades e potenciais para políticas de renucleação intracampo.

Evitar o fechamento de escolas públicas do/no campo neste momento histórico, tem se constituído num grande desafio. Apesar de haver legislação específica que atrela o fechamento dessas escolas a uma decisão coletiva das comunidades onde elas se situam, essas orientações normativas (fechamento ou renucleação intracampo) são desconhecidas ou não levadas em conta em grande parte dos municípios do Estado do Paraná.

Ao mesmo tempo, na lógica hegemônica dos projetos de desenvolvimento dos municípios quase não se observam políticas educacionais que tenham potencializado as escolas do campo, o que torna necessário estudo empírico para verificar esta realidade das regiões para que haja maiores condições de cumprimento da legislação em geral e das metas propostas no Plano Nacional de Educação: 2014-2024.

A região Sudoeste do Estado do Paraná foi escolhida como lócus da pesquisa na medida em que pelo número de escolas públicas do campo existentes, acreditamos que seja possível identificar o potencial de nucleação intracampo, considerando as relações entre os riscos de fechamento das escolas e potencial de renucleação intracampo.

Parte-se da ideia de que é necessário levar em conta a situação populacional, sócio-econômico-cultural e a relação potencial entre as redes de ensino para se projetar o financiamento e estratégias que materializem as políticas públicas.

Objetivos Específicos do Projeto de Pesquisa:

- Identificar os números de escolas localizadas no campo, das redes municipal e estadual, o número de alunos e as possibilidades de articulação entre as escolas das redes de ensino;

- Produzir um acervo das escolas que fecharam nos municípios pesquisados com dados disponíveis;

- Levantar dados relativos às escolas públicas localizadas no campo na região sudoeste do Paraná para mapear os dados que evidenciam riscos de fechamento destas escolas;

- Caracterizar as rotas percorridas pelo transporte escolar nos municípios, levantar as distâncias e o potencial de renucleação intracampo;

- Caracterizar a política educacional executada nas escolas no que se refere à situação do quadro de professores: Quadro Próprio do Magistério (QPM), Processo Seletivo Simplificado (PSS), estagiários, terceirizados e outros, explicitando a rotatividade de professores presente nestas escolas;

- Identificar nas plataformas de pesquisa oficiais dados de ocupação populacional, principais atividades produtivas e perspectivas de trabalho do campo nos municípios;

- Refletir sobre os processos de ocupação dos espaços do campo e as principais atividades produtivas e perspectivas de trabalho do campo presentes nos municípios que podem fragilizar ou potencializar as políticas de nucleação intracampo.

Bolsistas ICV vinculadas ao Projeto de Pesquisa
Daniele Cardoso - Período: junho 2019-junho 2021
Karina Belletini - Período: junho 2019-junho 2021
Rosangela da Silva Guimarães - Período: Junho 2019-Junho 2020
Lidiane Cristina Longo - Período: Novembro 2019-Novembro 2020

Bolsista PIC/PIBIC/UNIOESTE
Mariane Morandin da Silva -  Período: Agosto 2019-Agosto 2020.

Projeto de Pesquisa 3 - Em andamento: 2021-2024

Título: A Educação do Campo e suas interações com a agricultura camponesa, o trabalho, a agroecologia e os movimentos sociais populares.

Coordenação: Carlos Antônio Bonamigo

Resumo do Projeto:

Este projeto objetiva analisar as práticas formativas da Educação do Campo em suas interações com a agricultura camponesa, o trabalho, a agroecologia e os Movimentos Sociais Populares. Para atingir tal propósito, pretende-se: analisar os aspectos históricos e epistemológicos da Educação do Campo; analisar a legislação, modalidade, políticas públicas (QPM e PSS, Transporte Escolar, Renucleação Intracampo, Multianos...) e matrizes formativas da Educação do Campo; compreender a Educação do Campo em suas relações com os movimentos sociais populares, destacando as suas dimensões educativas; mapear a realidade das escolas públicas localizadas no campo; analisar as principais características da agricultura camponesa em torno de sua a racionalidade produtiva e diversidade/singularidade sociocultural; refletir sobre os processos de ocupação dos espaços do campo e as principais atividades produtivas, populacionais e perspectivas de trabalho do campo presentes nos municípios que podem fragilizar ou potencializar a Educação do Campo; analisar a matriz produtiva, científica e tecnológica da agroecologia, os seus fundamentos e as suas relações com a agricultura camponesa e a Educação do Campo; analisar as dimensões educativas/formativas do trabalho no/do campo e produzir um acervo das escolas públicas do campo, iniciando-se pela região Sudoeste do Paraná e, posteriormente, para outras regiões do Estado do Paraná e do Brasil. Por meio desta pesquisa pretende-se ampliar a compreensão da Educação do Campo, relacionando-a ao projeto da agricultura camponesa e da agroecologia, analisando as transformações históricas que ocorrem no campo assim como nas diferentes formas de efetivação desta modalidade da educação nacional na escola pública do campo e no seu entorno.

Bolsistas ICV vinculadas ao Projeto de Pesquisa:

Lidiane Cristina Longo - Período: fevereiro 2021-janeiro 2022

Eloisa Thais da Cunha - Período: fevereiro 2021 - janeiro 2022

Emanuela dos Santos -  Período: fevereiro 2021 - janeiro 2022

Publish modules to the "offcanvas" position.

Nós usamos cookies
Nós usamos cookies no nosso site. Alguns deles são essenciais para o funcionamento do site, enquanto que outros ajudam a melhorar o site e a experiência do usuário. Você pode decidir se quer permiti-los ou não. Tenha em mente que, em caso de rejeição, você não será capaz de usar todas as funcionalidades do site.